segunda-feira, 28 de dezembro de 2009

Natal



Entre aquilo que somos e o que gostaríamos de ser..
Entre aquilo que pensamos e o que conseguimos dizer..
Há muitos pores do sol no horizonte,
muita água a passar por baixo da ponte.
Muitos sons, muitas imagens,
muitas flores a tingirem as paisagens.
Muitas histórias recortadas em nuvens, no azul do céu,
ou nas sombras do negro breu...
muitas outras..., escritas e benditas;
E as mais..., perdidas..., doloridas..
trazem dores, mágoas, lágrimas e solidão..
Mas também esperança..
porque enquanto houver coração..
a palpitar no peito,
haverá sempre um jeito,
. de espalhar amor e compaixão..
. de não deixar morrer a criança...
que afinal ainda vive em cada um de nós:
Nesse menino que re_nasce sempre a cada novo ano!!



. de aquecer as mãos de alguém que aquece as nossas,
. de ouvir quem precisa falar, quem precisa desabafar..
. de abraçar quem tem frio de carinho..
. de fazer companhia a quem está sozinho..
. de nos sentirmos úteis e não fúteis!
. de usar o nosso poder para fazer...
para fazer.., sobretudo a diferença,
com a crença..
de que o mundo, sem um de nós não funciona!!

FELIZ NATAL!

Sem comentários:

Enviar um comentário

Sinta-se à vontade para comentar como bem entender!

Selinho oferecido pela Verinha

Selinho oferecido pela Verinha
a quem eu muito agradeço!