domingo, 7 de fevereiro de 2010

Limite..


No limite do riso..
No limite da dor..
No limite da tristeza..
No limite da vida..
No limite do prazer..

No limite do sentir..
uma membrana.. ressoa.. vibra..
e a lágrima.. surge!!

Sem comentários:

Enviar um comentário

Sinta-se à vontade para comentar como bem entender!

Selinho oferecido pela Verinha

Selinho oferecido pela Verinha
a quem eu muito agradeço!