domingo, 4 de julho de 2010

Divagações



Às vezes apetece-me confraternizar!
Há pessoas que admiro
e, como tal, parece-me natural a aproximação..
o conviver mais de perto..
Ás vezes, claro! Outras.., não!
Mas, nessas alturas, em que me apetece sair da toca,
a solidão já pesa como fardo,
ir à casa de amigos, sozinha..
deixa-nos numa posição de avezinha fora do ninho..
ou estamos na mira dos gaviões..
ou inspiramos a curiosidade dos tordos..
que se fixam nos fios dos telefones,
olhando-nos com a piedade de quem tem asas para voar
e olha para um tatú que não vê mais do que os centímetros de chão que o rodeiam!

Sem comentários:

Enviar um comentário

Sinta-se à vontade para comentar como bem entender!

Selinho oferecido pela Verinha

Selinho oferecido pela Verinha
a quem eu muito agradeço!