quarta-feira, 6 de outubro de 2010

Medo



Um passo à frente, dois atrás e..
Fiquei sozinha de novo!
Digo isto de forma triste, como se me faltasse algo!
E falta..
A empregada foi-se embora? Vazio.. trabalho a mais.. deprê..
O amigo que não escreve? Vazio..
Quero tomar um café mas não tenho com quem.. vazio!
Estranho este sentimento.., é novo para mim!
Durante "séculos" não parecia precisar de nada, nem de ninguém para "ser".
Escrever, ler, pensar, passear, trabalhar..
partilhava tudo com o meu eu interior mais do que com quem me rodeava.
E chegava!
Não havia espaços em branco!
De um dia para o outro houve algo em mim que mudou..
Continuo a escrever, a ler, a pensar, a passear, a trabalhar..
Mas..
Agora há um mas, sempre presente..
Parece que falta alguma coisa..
Há espaços dentro de mim, que permanecem desocupados e tristes..
Não sei como surgiram.. (esses espaços),
Mas dão-me a sensação permanente de arrepio..
Como se um vento frio me percorresse o corpo!
Dá-me medo..

Sem comentários:

Enviar um comentário

Sinta-se à vontade para comentar como bem entender!

Selinho oferecido pela Verinha

Selinho oferecido pela Verinha
a quem eu muito agradeço!