quinta-feira, 14 de abril de 2011

Desnuda


O que me faz, muitas vezes, surpreender,
e ohar novamente para ti e,com mais atenção,
é a forma como me consegues ver e, até mesmo.. conhecer..
[no âmago!]
É intrigante essa sensação, e reconheço..
que me sinto desnuda perante ti; tu que és alguém que eu não conheço!

1 comentário:

  1. Tentamos, em legítima defesa, estabelecer fronteiras, como se preservássemos um sentimento único, mas no dia em que derrubarmos os nossos muros ficaremos surpreendidos por as ilhas que nos circundam terem tanto em comum...

    Beijo :)

    ResponderEliminar

Sinta-se à vontade para comentar como bem entender!

Selinho oferecido pela Verinha

Selinho oferecido pela Verinha
a quem eu muito agradeço!