sexta-feira, 29 de abril de 2011

Incomensurável angústia


Apetece-me gritar..
talvez assim conseguisse desopilar,
e desatar esta espécie de nó que me tolhe os movimentos!
Mas esta vida citadina, comedida,não me o permite!
Assim...
Grito para dentro de mim..
e o grito ecoa por todos os meus órgãos,
fazendo ressonância nas cavidades ocas..
e, incomensurável.., continua
sem me libertar desta angústia!

1 comentário:

  1. Quando conseguires descobrir esse segredo conta-me pois também quero saber desse porquê...
    Muitos dias nem os gritos nos aliviam.

    ResponderEliminar

Sinta-se à vontade para comentar como bem entender!

Selinho oferecido pela Verinha

Selinho oferecido pela Verinha
a quem eu muito agradeço!