sábado, 30 de abril de 2011

Porquê?


Porque continuamos nós a fazer o que não queremos?
A lidar com quem não entendemos?
A trilhar caminhos indesejados?
sem conseguirmos sequer ser amados..
Só porque a maré corre nesse sentido..
acreditamos que o destino será cumprido?
Ou seremos cobardolas a tal ponto..
que não enfrentamos o erro apenas para evitarmos o confronto?
Ou será por masoquismo que sofremos em silêncio,
expondo-nos vezes sem conta à beira do precipício,
e, sentindo pena de nós...,
choramos e lamentamos a sós,
de forma triste e sofrida,
a nossa pouca sorte na vida!

Sem comentários:

Enviar um comentário

Sinta-se à vontade para comentar como bem entender!

Selinho oferecido pela Verinha

Selinho oferecido pela Verinha
a quem eu muito agradeço!