domingo, 22 de maio de 2011

Extensão de amor


A maior parte das vezes somos altruístas.. amamos os outros que por sua vez não nos amam e amam outros e, assim caminhamos, coleccionando, frustrações e tristezas, enlutando-nos a cada passo. O maior amor que devemos ter, egoismos à parte, é por nós mesmos, porque amando-nos em primeiro grau, iniciamos uma extensão de amor que vai, necessariamente, propagar-se a tudo o que está à nossa volta, contagiando e, por certo, seremos mais felizes e, consequentemente, levaremos mais felicidade a todos e o retorno virá, na certa!
Eu estou a descobrir este caminho.. novo, ainda, para mim!!

Este post foi inspirado no "Enlutar-me-se" da Cátia Bosso, a quem agradeço a inspiração.

4 comentários:

  1. Palavras certíssimas!
    Quem estiver vazio de si, nada poderá dar aos outros!

    ResponderEliminar
  2. O amor começa de dentro para fora.
    Se nos amarmos amamos também os outros aceitando-os como são.

    ResponderEliminar
  3. "No amor somos injustos, porque supomos que o outro é perfeito."

    Abraço.

    ResponderEliminar
  4. Vejo escorrer entre meus dedos
    as areias do tempo
    as águas do mar
    e até a luz das estrelas
    o sonho....o sonho passa inexorável
    pelas frestas da eternidade...
    e nada nos pertence de fato
    a não ser as nossas ilusões...

    £una

    Feliz Semana e beijos meus! M@ria

    ResponderEliminar

Sinta-se à vontade para comentar como bem entender!

Selinho oferecido pela Verinha

Selinho oferecido pela Verinha
a quem eu muito agradeço!