sexta-feira, 10 de junho de 2011

Errado caminho de certas escolhas!!

Onde foi que eu errei?


Porque é óbvio..
que se esta não é a vida que eu quero para mim,
e, se foram as minhas escolhas que me trouxeram aqui..
em algum ponto da estrada,
eu tenho que ter feito a escolha errada..

Mas é estranho,
porque olhando para trás,
não encontro em nenhum momento..
escolha feita com que eu não concorde
e, muito provavelmente..
escolheria e faria tudo novamente..

12 comentários:

  1. É estranho mesmo olhar para o quebra-cabeça que está sobre a mesa, ver que não faltam peças, que elas fazem todas parte do mesmo jogo e que, ainda assim, nem sempre é possível montá-lo! :)

    ResponderEliminar
  2. Um mosaico!

    Cores e ausência de cor... Necessárias as
    duas

    Abraço!

    Marlene Edir Severino

    ResponderEliminar
  3. Boa noite MM!
    Belo poema, gostei.
    Gosto muito dos seus escritos.
    Beijo e ótimo final de semana pra ti.
    Com carinho,
    Mara

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Mara,
      Obrigada pelo carinho,venha sempre!
      MM

      Eliminar
  4. Por vezes é preciso dar um passo atrás para retomar o caminho!

    ResponderEliminar
  5. Sem ter programado a gente para prá pensar.É como espiar para um corredor com mil possibilidades.Cada porta uma escolha.Muitas vão se abrir para um nada,mas outras para um jardim de promessas.Hora de reavaliar-se.
    Pensar pede audácia.Refletir é transgredir a ordem do superficial que nos esmaga.

    Belo poema!

    Um beijo

    ResponderEliminar
  6. não estou querendo viver essa vida também.... :(

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É necessária muita lucidez para se chegar a essa resposta!

      Eliminar

Sinta-se à vontade para comentar como bem entender!

Selinho oferecido pela Verinha

Selinho oferecido pela Verinha
a quem eu muito agradeço!