terça-feira, 22 de março de 2011

Ciranda

Ciclo eterno de morte e renascimento:
Quando finamos uma etapa, logo outra se inicia,
automaticamente,
ininterruptamente..
É impossível parar a engrenagem,
ou sair do comboio em andamento!

Quando completamos o nosso caminho nesta dimensão,
Nascemos para outra vida, numa outra!

4 comentários:

  1. lindo demais este texto.
    sabedoria pura.
    tranquiliza-nos...
    que sua semana seja linda...

    ResponderEliminar
  2. Belo!
    Tenho, para mim, que a felicidade está em viver o caminho, seja ele qual for, não na chegada.

    Beijo :)

    ResponderEliminar
  3. E teríamos vindo de outra?

    Saudações poéticas!

    ResponderEliminar

Sinta-se à vontade para comentar como bem entender!

Selinho oferecido pela Verinha

Selinho oferecido pela Verinha
a quem eu muito agradeço!